Adrenalina no topo com o Yamaha YXZ1000R S
Hoje é Terça-Feira, 21 de Fevereiro de 2017

Adrenalina no topo com o Yamaha YXZ1000R S

A Yamaha apresentou o seu mais recente e inovador UTV, ou ROV, e o LusoMotores pôde experimentar todas as emoções ao volante

Yamaha-YXZ1000RRR-02Uma fantástica pista em Rio Maior, com trilhos de areia, saltos incríveis e lançamentos para o abismo, eis o percurso proposto para conhecermos o Yahama YXZ1000R SS , um UTV (Utility Task Vehicle) também denominado pelo construtor como um ROV (Recreational Off highway Vehicle) que o LusoMotores foi testar, primeiro à pendura do piloto Ricardo Carvalho, um dos homens que anda sempre na frente nas provas do nacional de todo-o-terreno na categoria UTV/Buggy, que nos levou a uma primeira volta naquela pista incrível usada pelo Troféu Yamaha, ali disponível para momentos de ficarmos com o coração ao pé da boca. Concluída essa volta, era a nossa vez de agarrarmos o volante e avançarmos para a pista, com a segurança de sabermos que iríamos claramente mais devagar e de um modo mais tranquilo.

PUB

Claramente para vencer nesta categoria de veículos ROV, a Yamaha lançou assim este YXZ1000R SS, equipado com patilhas atrás do volante para gerir uma caixa sequencial que se apresentou sempre adequada à melhor performance. De tal forma que a determinada altura, em duas voltas que pudemos realizar à versão reduzida daquela pista — os saltos mais radicais deixámo-los mesmo para o Ricardo Carvalho —, até nós já procurávamos acordar o piloto radical que temos bem lá no fundo, ou nem por isso tão fundo assim. Afinal, a resposta daquele motor 1.0 litros de três cilindros, capaz de desenvolver pouco mais de 100 cv de potência é simplesmente impressionante. Aliás, se pensa que 100 cv de potência nem é muito, será bom recordar que este veículo tem pouco mais de 700 quilos de peso, o que permite desde logo uma relação peso/potência assinalável.

Perante isto, a tal vontade de irmos mais devagar do que o fizéramos antes à pendura do Ricardo Carvalho rapidamente desaparece e rapidamente damos connosco a explorar os nossos limites, ainda assim muito aquém do que experimentámos antes. É que quem sabe sabe e a experiência de Ricardo Carvalho faz de nós meros aprendizes de feiticeiros. Enfim... capazes de experimentar umas pequenas magias... mas sem dúvida pequenas mesmo.

Yamaha-YXZ1000RRR-08Yamaha-YXZ1000RRR-04

Yamaha-YXZ1000RRR-00 Yamaha-YXZ1000RRR-01
Yamaha-YXZ1000RRR-06 Yamaha-YXZ1000RRR-07
Yamaha-YXZ1000RRR-09 Yamaha-YXZ1000RRR-12

Yamaha-YXZ1000RRR-05

Após as duas voltas ao volante deste Yamaha YXZ1000R SS, equipado com uma caixa robotizada de cinco velocidades com as já referidas patilhas no volante, equipado com uma transmissão com três modos — 2WD (tracção traseira), 4WD (tracção integral) e 4WD Lock (tracção integral com bloqueio do diferencial) —, ficava desde logo a vontade de regressarmos para nova experiência.

A outra opção seria sempre a de jogar no euromilhões e esperar que do céu pudessem cair qualquer coisa como 28 mil euros, o valor a dar por este modelo que é vendido com uma matrícula que o impede de circular em auto-estradas e vias-rápidas. Mas também, querer esta proposta da Yamaha para se limitar ao asfalto é a mesma coisa que vestir um fato e gravata para ir para o campo... não combina!

Yamaha-YXZ1000RRR-17Yamaha-YXZ1000RRR-20

Yamaha-YXZ1000RRR-10 Yamaha-YXZ1000RRR-11
Yamaha-YXZ1000RRR-13 Yamaha-YXZ1000RRR-15

Yamaha-YXZ1000RRR-18Yamaha-YXZ1000RRR-16Yamaha-YXZ1000RRR-14

Quando deixámos Rio Maior, depois de termos experimentado esta nova proposta da Yamaha também conduzida por alguns convidados do construtor bem conhecidos do grande público, como o humorista Nilton, o piloto Manuel Gião ou o ex-jogador de futebol João Manuel Pinto, ele que passou pelo FC Porto, Benfica e pela Selecção Nacional — também passaram por Rio Maior nesta apresentação o piloto Pedro Grancha, ex-campeão nacional de Todo-o-Terreno, e Inês Ponte, que recentemente se sagrou campeã nacional de ralis ao lado de José Pedro Fontes —, ficou a certeza de que deixámos para trás uma proposta de mobilidade diferente, capaz de enfrentar com sucesso desde a pista mais esburacada até às "paredes" mais desafiantes.

A resposta do Yamaha YXZ1000R SS, com o sistema de patilhas seletoras ao estilo de competição para uma aceleração ainda mais rápida e um nível mais elevado de controlo em situações extremas, permite para os ROV a adopção de tecnologias até há pouco apenas disponíveis nos automóveis de competição, porventura o motivo pelo qual tão facilmente nós ficámos seduzidos por este tipo de veículo que, em verdade, nem sequer faz parte dos nossos meios de locomoção diários ou mais habituais. Mas afinal, ao que é bom habituamo-nos depressa e, logo depois daquele arranque registado ao 1m26' do vídeo que aqui incluímos, tudo foi apenas sublime, desde a máquina, até à boa disposição em redor de todo o evento no qual houve tempo até para selfies, sempre com a atenção apontada para este novo Yamaha YXZ1000R SS.

reportagem: Jorge Reis
fotos: ©Yamaha

Yamaha-YXZ1000RRR-21Yamaha-YXZ1000RRR-22

Yamaha-YXZ1000RRR-23Yamaha-YXZ1000RRR-24

Yamaha-YXZ1000RRR-25 Yamaha-YXZ1000RRR-26
Yamaha-YXZ1000RRR-27 Yamaha-YXZ1000RRR-28
Yamaha-YXZ1000RRR-29 Yamaha-YXZ1000RRR-30 Yamaha-YXZ1000RRR-31
Yamaha-YXZ1000RRR-JMP-RC-01 Yamaha-YXZ1000RRR-LuisFigueiredo-PedroGrancha-InesPonte Yamaha-YXZ1000RRR-JMP-RC-02

Yamaha-YXZ1000RRR-Nilton-MG-RCYamaha-YXZ1000RRR-32

Share

Copyright © 2012 LusoSaber - Todos os direitos reservados.