CEO da Nissan fala de inovações tecnológicas
Hoje é Terça-Feira, 21 de Fevereiro de 2017

CEO da Nissan fala de inovações tecnológicas

Durante o Consumer Electronics Show (CES), Carlos Ghosh anunciou inovação para a mobilidade de emissões zero e zero fatalidades

CES-2017Inovações desenvolvidas a partir de tecnologias da NASA para uma integração simples da condução autónoma, a nova geração do Nissan Leaf com tecnologia Nissan ProPilot e os primeiros testes da Nissan de automóveis sem condutor foram temas abordados por Carlos Ghosn, o presidente e CEO da Nissan no discurso que proferiu no no Consumer Electronics Show (CES), onde deu conta ainda de uma nova parceria para ajudar as cidades a preparar-se para a condução sem condutor e de zero emissões.

PUB

Algumas das várias tecnologias e parcerias que irão fazer avançar a mobilidade na direção de um futuro com zero emissões e zero fatalidades foram assim focadas por Carlos Ghosn neste que é um dos mais importantes certames internacionais de tecnologia, onde fez questão de frisar que na Nissan "não é criada tecnologia só pela tecnologia nem se reservam as melhores tecnologias para os modelos mais luxuosos."

"Desde o início que trabalhamos para trazer as tecnologias certas para toda a gama dos nossos veículos e para o maior número de pessoas possível. Para isso é necessário mais do que inovação, é preciso engenho. E é precisamente isso que oferecemos através da Mobilidade Inteligente da Nissan”, acrescentou Carlos Ghosn antes de avançar para cinco anúncios importantes.

Assim, e para acelerar a chegada dos veículos autónomos à estrada, Ghosn anunciou uma tecnologia inovadora chamada, "Mobilidade Autónoma Simples", ou SAM, desenvolvida a partir de tecnologia da NASA e que combina a inteligência artificial (IA) no veículo com o suporte humano. O objectivo é permitir que os veículos autónomos tomem decisões em situações imprevisíveis e construam o conhecimento da IA do veículo. Esta tecnologia permitirá que milhões de automóveis sem condutores coexistam com condutores humanos num espaço de tempo mais curto, inserindo-se esta tecnologia no conceito de Integração Inteligente Nissan.

Levando a estratégia de condução autónoma dos fabricantes um passo mais além, Ghosn anunciou ainda que a Nissan e a empresa de internet DeNA vão iniciar testes com o objetivo de desenvolver veículos sem condutor para uso comercial. A primeira fase destes testes iniciar-se-á este ano em zonas específicas para este fim no Japão e focar-se-ão no aperfeiçoamento da tecnologia sem condutor. Em 2020, a Nissan e a DeNA planeiam expandir o âmbito destes testes para incluir o uso comercial da tecnologia para os serviços de mobilidade na área metropolitana de Tóquio.

Além dos avanços na estratégia de condução autónoma da Nissan, Ghosn anunciou também planos para lançar um Nissan Leaf com a tecnologia ProPilot de condução autónoma numa única faixa de autoestrada. Este novo Leaf beneficiará da liderança da Nissan em veículos elétricos, traduzida nos mais de 250.000 Nissan Leaf vendidos em todo o mundo desde 2010. Ghosn afirmou que o novo Leaf chegará num futuro próximo, representando o capítulo seguinte da Energia Inteligente Nissan.

Nos automóveis conectados, que combinam a Condução Inteligente Nissan e a Integração Inteligente Nissan, Ghosn anunciou que a Aliança Renault-Nissan continuará a sua parceria com a Microsoft para construir a geração seguinte de tecnologias de automóveis conectados. Na sua intervenção, demonstrou de que forma a tecnologia de assistente pessoal Cortana da Microsoft poderá tornar a condução mais produtiva e simples. A Cortana é uma das tecnologias que a Aliança e a Microsoft estão a explorar em conjunto.

Para suportar as políticas e o planeamento necessários para integrar estas tecnologias nas cidades do mundo, Ghosn anunciou finalmente uma nova parceria com a “100 Resilient Cities - Pioneered by The Rockefeller Foundation” (100RC), uma organização sem fins lucrativos que trabalha com o objetivo de ajudar as cidades a desenvolverem soluções para os desafios físicos, sociais e económicos. Em conjunto, a Nissan e a 100RC ajudarão as cidades a construir as bases para a condução autónoma, veículos elétricos e novos serviços de mobilidade. A Nissan é o primeiro parceiro automóvel da 100RC.

"Convidamos outros a que se juntem a nós, desde parceiros tecnológicos a empresas de comércio eletrónico, plataformas de serviços de transporte e de partilha de automóvel até empresários sociais que nos possam ajudar a testar e a desenvolver novos veículos e serviços e a assegurar que todas as pessoas podem ter acesso às mais recentes tecnologias e serviços capazes de adicionar valor às suas vidas", afirmou Ghosn.

Share

Copyright © 2012 LusoSaber - Todos os direitos reservados.