Uwe Hochgeschurtz, atual CEO da Renault Alemanha, Áustria e Suíça, foi nomeado CEO da marca Opel onde desempenhará essas funções a partir de 1 de setembro de 2021. Esta nomeação surge na altura em que aquela que é a única marca alemã integrante no Grupo Stellantis está a expandir as suas atividades comerciais, nomeadamente para a China, e a entrar na era da eletrificação.

Hochgeschurtz sucederá a Michael Lohscheller, que decidiu dar continuidade à sua carreira fora da Stellantis, e irá assim enquanto novo CEO da marca alemã juntar-se ao Top Executive Team da Stellantis, reportando diretamente a Carlos Tavares, CEO da Stellantis. Uwe Hochgeschurtz iniciou a sua carreira na indústria automóvel na Ford, em 1990, antes de ingressar na Volkswagen em 2001 e depois na Renault, em 2004. Estudou administração de empresas na Alemanha (Wuppertal & Cologne), Reino Unido (Birmingham) e França (Paris Dauphine).

“Quero agradecer calorosamente ao Michael por ter criado, juntamente com os seus colaboradores, alicerces fortes e sustentáveis para a Opel. Essa impressionante recuperação abre caminho para todo um novo desenvolvimento comercial mundial da marca. Estou convicto de que o Uwe irá liderar com sucesso este novo capítulo da Opel, graças aos seus mais de 30 anos de experiência comercial no setor automóvel. Desejo ao Michael o melhor no novo passo na sua carreira”, comentou Carlos Tavares, CEO da Stellantis. 

Recorde-se que a Opel pretende dar um forte impulso na sua estratégia rumo à eletrificação, isto quando são conhecidos planos do grupo Stellantis que visam permitir que esta que é a única marca germânica no grupo possa transformar-se numa marca totalmente elétrica na Europa no ano de 2028.

Opel Hochgeschurtz Chereau Lohscheller

Uwe Hochgeschurtz (à esquerda) vai assumir as funções até agora desempenhadas por Michael Lohscheller (à direita)

Opel Estrategia

LusoMotores
Pin It