O piloto estónio da Toyota Gazoo Racing, Ott Tänak, e o seu co-piloto Martin Järveoja, aos comandos de um Toyota Yaris WRC, fizeram história ao garantir o primeiro título Mundial de Pilotos, com um segundo lugar no Rali de Espanha, tornando-se Tanak no primeiro piloto estónio a alcançar este feito.

Com Ott Tanak, a Toyota garante pela quinta vez o título do WRC, história que começou para o construtor nipónico em 1994 com Didier Auriol. Este ano, tendo vencido seis das doze provas disputadas, Ott Tänak chegou à penúltima ronda da temporada 2019 com uma vantagem de 28 pontos no campeonato.

O rali começou na sexta-feira, 25 de outubro, com 6 especiais realizadas principalmente em gravilha. Como líder do campeonato, Ott Tänak teve que ser o primeiro a arrancar tendo terminado a manhã na terceira posição. A sua posição na estrada colocou-o em maior desvantagem durante a tarde, com os pisos em terra cada vez mais secos, depois de fortes chuvas na região da Catalunha no início da semana.

Yaris wrc 2019 ES 02

Yaris wrc 2019 ES 03

Kris Meeke também começou bem o dia. Embora tenha caído para a sexta posição ao início da tarde, o piloto lutou aos comandos do Toyota Yaris WRC e conseguiu regressar ao quarto lugar, com o segundo melhor tempo na segunda passagem pela especial mais longa do rali, com 38,85 quilómetros, terminando o primeiro dia a apenas 13 segundos do líder e 5,4 segundos do terceiro lugar. Ott Tänak encerrava o dia logo a seguir, em quinto lugar, a 8,7 segundos do seu colega. Oitavo no final da manhã, Latvala aproveitou uma tarde muito forte para terminar o dia em sexto, a 8,4 segundos de Tänak.

No sábado, Kris Meeke começou bem, subindo para o terceiro lugar depois de um bom tempo na primeira especial, mas o seu dia terminou cedo, quando alargou a trajetória numa curva e bateu numa barreira na segunda especial. Depois de a equipa reparar o Yaris WRC, o britânico voltaria à prova no domingo. Ott Tänak começou a imprimir mais velocidade ao final da manhã, indo mais rápido na nona especial para depois ser o mais rápido em três especiais consecutivas durante a tarde. Na etapa final, em Salou, subiu para a terceira posição, a apenas 3,1 segundos do segundo lugar. Jari-Matti Latvala também mostrou bom ritmo durante o dia, sendo o segundo mais rápido em ambas as especiais em Querol. Terminou o dia em quinto lugar, aumentando a sua uma vantagem para mais de 20 segundos do sexto classificado.

Yaris wrc 2019 ES 04

Yaris wrc 2019 ES 05

No domingo, Ott Tänak aumentou a sua vantagem sobre o piloto em quarto lugar, mas ainda precisava de se esforçar na power stage final do rali para garantir o título. Com uma condução virtuosa ao longo dos 20,72 quilómetros da power stage, Ott Tänak foi 3,6 segundos mais rápido do que todos os outros pilotos, não apenas ganhando os cinco pontos suplementares, mas também subindo para o segundo lugar da geral.

Jari-Matti Latvala terminou na quinta posição, arrecadando pontos importantes para o campeonato de fabricantes. A Toyota sai da Catalunha a 18 pontos do líder e mantem a possibilidade de vencer na prova final na Austrália. O piloto do Programa de Desafio da TOYOTA GAZOO Racing, Takamoto Katsuta, completou com sucesso o seu segundo evento no Toyota Yaris WRC. O piloto japonês, inscrito separadamente, mostrou mais uma vez um bom ritmo, apesar de um problema técnico o ter atrasado no sábado.

Confira com o LusoMotores a classificação final no Rali da Catalunha para os dez primeiros...

1 Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupe WRC) 3h07m39.6s
2 Ott Tänak/Martin Järveoja (Toyota Yaris WRC) +17.2s
3 Dani Sordo/Carlos del Barrio (Hyundai i20 Coupe WRC) +17.6s
4 Sébastien Loeb/Daniel Elena (Hyundai i20 Coupe WRC) +53.9s
5 Jari-Matti Latvala/Miikka Anttila (Toyota Yaris WRC) +1m00.2s
6 Elfyn Evans/Scott Martin (Ford Fiesta WRC) +1m14.2s
7 Teemu Suninen/Jarmo Lehtinen (Ford Fiesta WRC) +1m47.6s
8 Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Citroën C3 WRC) +4m20.5s
9 Mads Østberg/Torstein Eriksen (Citroën C3 R5) +8m24.6s
10 Eric Camilli/Benjamin Veillas (Citroën C3 R5) +8m47.2s

Pin It