Jari-Matti Latvala comanda Rali do MéxicoO piloto finlandês Jari-Matti Latvala (Volkswagen) assumiu, esta sexta-feira, o comando do Rali do México, fechando o segundo dia da terceira prova do Campeonato do Mundo de Ralis (WRC) com mais de meio minuto de vantagem em relação ao francês Sébastien Ogier, seu companheiro na equipa oficial do construtor automóvel alemão.

Vencedor das duas primeiras provas do Mundial de 2016, disputadas em Monte Carlo e na Suécia, o tricampeão do mundo foi prejudicado ela ordem de partida desfavorável e não tem conseguido acompanhar o andamento de Latvala no primeiro rali de terra da temporada, que está a decorrer na região de León.

Após Ogier ter conquistado o estatuto de líder após as três primeiras especiais do evento, na quinta-feira, Latvala, vencedor do Rali de Portugal de 2015, “roubou-lhe” o comando nas duas primeiras classificativas da manhã de sexta-feira e manteve o domínio durante a tarde, assinando o melhor tempo em mais três troços.

Nas sete especiais do programa do segundo dia do rali mexicano, Ogier não conseguiu superar o “handicap” de abrir a estrada e Latvala, que curiosamente ainda não pontuou nesta época, aproveitou o facto de ser o oitavo piloto a arrancar para chegar ao final do dia com 32,1 segundos de avanço sobre o gaulês e 1 minuto e 15,6 segundos em relação ao espanhol Dani Sordo, melhor piloto da Hyundai, equipa que viu o belga Thierry Neuville ficar pelo caminho devido a um problema mecânico.

Ao final do segundo dia de acção, o "top 10" ficou completo, por esta ordem, com Mikkelsen, Paddon, Ostberg, Tanak, Prokop, Bertelli e Suninen.

O Rali do México prossegue este sábado, com mais nove classificativas, e terminará no domingo, com as duas últimas especiais, o longo troço de Guanajuato, com 80 quilómetros, e a “power stage” de Agua Zarca, com 16,47 quilómetros.

Sébastien Ogier

Pin It