paulricard albuquerqueUma penalização de 45 segundos imposta à equipa do português Filipe Albuquerque, com Simon Dolan e Harry Tincknell retirou o primeiro lugar conquistado na pista de Paul Ricard , este domingo, em mais uma jornada do European Le Mans Series. Em causa esteve o facto de, alegadamente, Filipe Albuquerque ter estado mais tempo do que o permitido ao volante do Gibson da Jota, a equipa que integra o piloto luso.

Contas feitas, Filipe Albuquerque sai de Paul Ricard com o terceiro lugar na corrida e, ainda assim, na frente do Campeonato, embora depois deste resultado com apenas um ponto de vantagem. A vitória na corrida do Estoril, no próximo dia 18 de Outubro, avizinha-se agora obrigatória para chegar ao título.

Comentando já esta penalização, Filipe Albuquerque não escondeu alguma frustração por ter perdido na secretaria algo que tinha vencido em pista: "Foi certamente uma distracção da equipa, ainda por cima porque não nos deu vantagem nenhuma. Eu tinha os pneus velhos e se viesse para as boxes mais cedo, o meu companheiro de equipa quando entrasse ia com borrachas novas e podia explorar muito mais o carro. Enfim, um erro que nos sai demasiado caro mas que não nos rouba a ambição de chegar ao título".

Filipe Albuquerque acabou assim relegado para o terceiro lugar devido a esta penalização de 45 segundos, algo ainda mais frustrante para o piloto luso já que a sua equipa tinha conseguido um domínio absoluto ao longo do fim de semana.

A uma corrida do final da temporada, a disputar no Circuito do Estoril a 18 de Outubro, a tripla da J Sport continua na liderança do campeonato mas com a obrigatoriedade de vencer ou fazer melhor do que os actuais segundos classificados no campeonato naquela derradeira prova do European Le Mans Series.

Pin It