O finlandês Kimi Raikkönen, ao volante de um Ferrari, venceu este domingo o Grande Prémio dos Estados Unidos em Fórmula 1, na qual ficou adiada a decisão do título mundial de pilotos depois do britânico Lewis Hamilton, em Mercedes, ter terminado terceiro, imediatamente à frente do alemão Sebastian Vettel, em Ferrari, que terminou a prova norte-americana na quarta posição.

Quanto ao vencedor deste Grande Prémio, Kimi Raikkönen, ele que já não conseguia qualquer vitória desde Março de 2013, somou o seu 21º triunfo na Fórmula 1, ao cumprir as 56 voltas ao circuito texano na 16ª prova do campeonato do mundo, em menos 1,281 segundos do que o holandês Max Verstappen (Red Bull), segundo classificado, e menos 2,342 do que Hamilton. Este, que tinha à partida para o Grande Prémio dos EUA a possibilidade de garantir desde já o título mundial de Fórmula 1, permitiu a ultrapassagem a Raikkonen logo na largada, acabando o finlandês da escuderia italiana por não largar mais o primeiro lugar.

Hamilton nem tão pouco segurou o segundo lugar, permitindo a ultrapassagem a Verstappen, acabando por perder todas as possibilidades de conquistar o título quando Sebastian Vettel, já perto do final da corrida, conseguiu superar Valteri Bottas, da Mercedes, ascendendo o alemão da Ferrari ao quarto posto numa prova em que chegou mesmo a fazer um peão ainda na primeira volta, quando caiu para o 15º posto na corrida. Certo é que terminou a prova colado a Hamilton, obrigando este a esperar pela próxima prova do Mundial — Grande Prémio do México já no próximo fim de semana — para poder aspirar à conquista de mais um título mundial para o seu currículo.

Pin It