Está confirmado, o Campeonato do Mundo de Fórmula 1 vai ter uma corrida esta temporada disputada em Portugal, no traçado do Autódromo Internacional do Algarve, num calendário que permitirá ainda corridas no circuito alemão de Nurburgring e na pista italana de Ímola. A notícia começou por ser adiantada pelo site RaceFans estando o LusoMotores em condições de garantir que a categoria rainha do desporto automóvel irá mesmo visitar a pista de Portimão cujos os responsáveis já chegaram a acordo com o Grupo Liberty para tal fim.

Com um total de 10 corridas garantidas até ao final de Setembro, a última das quais a disputar na Rússia, agendada para 27 de Setembro, sabe-se agora que Imola e Portimão serão os locais considerados para as provas que incialmente estariam apontadas para o Brasil e para a China, onde não haverá condições para levar o circo da Fórmula 1 este ano.

Deste modo, Portimão será considerado para o GP de Portugal a realizar em Outurbo, como os responsáveis do circuito tinham manifestado interesse de que pudesse acontecer, tirando o melhor partido das condições climatéricas que normalmente o Algarve apresenta no coração do Outono com temperaturas amenas e um clima permissivo sem que represente grandes problemas para a competição dos monolugares.

O GP de Portugal foi realizado pela última vez no Circuito do Estoril, em 1996, sendo que a pista do Autódromo do Algarve nunca recebeu a F1, tendo apenas recebido algumas equipas que ali chegaram a efectuar alguns testes logo após a abertura da pista em 2008.

Para além do GP da Rússia e do GP de Portugal, o Mundial de Fórmula 1 deverá passar este ano também por Itália, nomeadamente no traçado do circuito de Imola, onde já foram realizadas corridas de F1 entre 1980 e 2006, e que este ano poderá assim receber a terceira corrida em terras transalpinas depois do GP da Itália em Monza e o GP da Toscana Ferrari 1000 em Mugello.

LusoMotores

Pin It