Já estão instalados os 20 novos pontos de carregamento rápido da parceria entre a Galp e a Nissan, novos pontos que reforçam a rede pública na Grande Lisboa, Grande Porto e distritos de Braga, Leiria e Coimbra. Estes pontos juntam-se aos 18 disponíveis na rede de concessionários Nissan, como parte do compromisso da marca na implementação do Ecossistema Elétrico em Portugal. Por outrto lado, a parceria com a Galp permite condições de carregamento especiais através do cartão GalpElectric para os clientes Nissan em todos os 1.300 postos da rede nacional de mobilidade elétrica.

Entrou assim em funcionamento a instalação de duas dezenas de novos postos de carregamento a cargo da Nissan e da Galp visando a sua utilização em automóveis elétricos em Portugal, um compromisso comum assumido com o objetivo de desenvolver a mobilidade sustentável em Portugal. A instalação destes 20 novos pontos de carregamento rápido cobre grande parte do território nacional com foco em Lisboa, Porto, Odivelas, Sintra, Leiria, Coimbra, Braga, Guimarães, Matosinhos, Vila Nova de Gaia, Loures, Cascais, Almada e Seixal. Uma parte significativa destes pontos de carregamento está já em operação e os restantes aguardam apenas a conclusão dos, infelizmente morosos, processos de aumento de potência pelo operador da rede elétrica.

1 source

Para além do investimento nestes postos, a Nissan alargou também a sua rede própria, disponibilizando aos seus clientes a possibilidade de carregamentos rápidos, sem custos, em 18 dos seus concessionários nacionais.

Antonio Melica, diretor-geral da Nissan em Portugal refere que “para acelerar o desenvolvimento da mobilidade elétrica em Portugal é fundamental expandir a rede de carregamento rápido, pelo que é com grande entusiasmo que inauguramos os postos instalados ao abrigo desta parceria e que, a par dos já instalados na nossa rede de concessionários, são representativos da nossa forte aposta nas infraestruturas de carregamento rápido e do nosso compromisso para permitir aos clientes Nissan uma mobilidade cada vez mais acessível. Assumimos o ano passado o compromisso de encontrar parceiros que nos ajudem a instalar postos de carga rápida em Portugal e encontrámos na Galp um parceiro com a mesma visão».

Sofia Tenreiro, administradora da Galp, sublinha que «a Galp tem vindo a realizar uma forte aposta na mobilidade elétrica e no reforço da capilaridade dos pontos de carregamento. Temos vindo a assumir investimentos significativos na transição energética sabendo do papel relevante da mobilidade sustentável. O rápido crescimento da rede, onde se integra a parceria com a Nissan, é uma das faces visíveis desta aposta que inclui também a instalação de novos pontos de carregamento em centros comerciais, parques de estacionamento e empresas.”

4 source

No âmbito desta parceria, todos os clientes de automóveis elétricos Nissan passam a beneficiar de condições mais vantajosas com o cartão GalpElectric/Nissan, com um nível de desconto de 25% nos carregamentos efetuados em todos os pontos de carregamentos integrados na rede pública de carregamento (Mobi.e) e que pode ainda chegar aos 33% caso os clientes tenham um contrato de fornecimento de eletricidade para a sua casa com a Galp.

Como pioneira e líder da Mobilidade de Zero Emissões, a Nissan está a contribuir ativamente para a construção de um Ecossistema Elétrico que permita aos seus clientes uma experiência plena dos benefícios da mobilidade sustentável, quer através do incremento da rede de carregamento rápido, quer com o desenvolvimento de projetos piloto em V2G que vão permitir às empresas reduzir, significativamente, os seus custos em energia (ou, até, torná-los em proveitos).

«A Nissan quer continuar a marcar o ritmo da Mobilidade Elétrica e, por isso, vai lançar a breve prazo mais produtos totalmente elétricos - de que o recentemente anunciado crossover coupé totalmente elétrico Nissan Ariya é o expoente máximo - mas também tecnologias de eletrificação como o Nissan e-Power e mais conectividade e serviços para os nossos clientes», concluiu Antonio Melica.

O Nissan Leaf é o automóvel elétrico mais vendido desde sempre em Portugal, com mais de 5.000 unidades nas estradas nacionais, reforçando a liderança da Nissan na mobilidade elétrica no nosso país, o que, com o comercial e-NV200, significa que a Nissan tem mais de 5.500 automóveis 100% elétricos nas estradas, ou seja, um em cada 4 automóveis 100% elétricos a circular em Portugal são um Nissan Leaf ou uma Nissan e-NV200.

2 source

A propósito da Nissan em Portugal, possuidora de uma rede de concessionários que possui em todo o território nacional 36 pontos de venda e 40 oficinas de assistência após-venda, a Nissan propõe uma linha completa de produtos, que inclui veículos de passageiros, crossovers, pickups, veículos comerciais e automóveis de alta performance, quer com motorizações de combustão, quer totalmente elétricas. Disponibiliza ainda um alargado conjunto de serviços de apoio aos seus Clientes, Parceiros e Concessionários. Para saber mais sobre a Nissan visite https://www.nissan-global.com/EN/

Já no que diz respeito à Galp, trata-se de uma empresa de energia de base portuguesa, de capital aberto com presença internacional. Desenvolve soluções eficientes e ambientalmente sustentáveis em todas as fases da cadeia de valor do setor energético, tanto nas suas operações, como na oferta integral que faz aos seus clientes, sejam indústrias, empresas de todos os setores ou simples consumidores que buscam as soluções mais flexíveis e competitivas para as suas casas e necessidades de mobilidade.

Produz e extraí a GALP petróleo e gás natural a partir de reservatórios situados quilómetros abaixo da superfície marítima, mas assume o compromisso de dedicar 40% do seu investimento a projetos que contribuam para a redução global das emissões de CO2, incluindo a produção de energia renovável. Integra todos os tipos de energia, da eletricidade, ao gás e aos combustíveis líquidos. Contribuí ainda para o desenvolvimento económico dos 11 países em que opera e para o progresso social das comunidades que acolhem a empresa que emprega 6.360 pessoas.

LusoMotores

Pin It