Maserati Levante Hybrid

Porque o mercado chinês é sem dúvida de primordial importância para o sector automóvel e numa altura em que os certames no continente europeu estão a ser constantemente adiados devido ao contexto de pandemia em que vivemos, não admira que por alturas do Salão de Xangai surjam grandes estreias dos mais diversos construtores, nomeadamente da Maserati que traz por estes dias à ribalta o Maserati Levante Hybrid, num evento de lançamento virtual no site da Internet da marca (houseof.maserati.com).

Estamos com este automóvel perante aquele que surge como o primeiro SUV eletrificado da marca com o qual a Maserati dá um decisivo passo em frente na sua estratégia de eletrificação, que teve início no ano passado com o Ghibli Hybrid. “Mais veloz. Mais verde. Único”, o Levante Hybrid é mais rápido do que um Diesel, mais sustentável do que o Diesel ou a gasolina, e único nas suas caraterísticas específicas.

O SUV Maserati, que teve já um impacto na história da marca, com os seus números recorde, dá agora um salto rumo a um futuro no qual todos os novos modelos da casa do Tridente serão eletrificados. E porque a Maserati é inovadora por natureza, com o Levante persegue a filosofia por detrás da sua entrada no mundo da eletrificação: melhorar o desempenho ao mesmo tempo que se mantém fiel aos valores da marca, oferecendo performance e agilidade, e, simultaneamente, poupando combustível e reforçando a dedicação da marca do Tridente ao prazer de condução e ao luxo. O resultado é um SUV híbrido que conserva o distintivo rugido de todos os Maserati.

Potência de 330 cv e 450 Nm de binário com tração integral

O Levante Hybrid combina o motor de 4 cilindros e 2,0 litros com um sistema híbrido de 48 Volt para recuperar energia durante a desaceleração e travagem. A viatura híbrida pesa menos que as versões com motor de 6 cilindros equivalentes (sejam Diesel ou a gasolina), e, acima de tudo, promete uma ainda melhor repartição do peso, dado que a bateria está colocada na traseira, sem comprometer a capacidade de carga nem o equilíbrio de massas do veículo. Tudo concebido para tornar o Levante Hybrid ainda mais ágil e divertido de conduzir.

Graças a uma potência máxima de 330 cv, e a um binário máximo de 450 Nm, disponível logo a partir das 2250 rpm, os dados relativos às prestações do novo Levante Hybrid, disponível apenas com tração integral, são impressionantes: velocidade máxima de 240 km/h e aceleração 0-100 km/h cumprida em 6 segundos.

Em termos de aparência, a versão de lançamento do Levante Hybrid é caraterizada por uma nova cor metalizada de tripla camada, denominada Azzurro Astro, disponível enquanto parte do programa de personalização da marca, o Maserati Fuoriserie. Outros pormenores exteriores e interiores contribuem para que o design deste automóvel seja, de imediato, reconhecível; alguns são em azul, na tonalidade escolhida para identificar automóveis híbridos, já utilizada pela Maserati no Ghibli Hybrid. No exterior, o azul marca presença nas três emblemáticas saídas de ventilação laterais, nas pinças de travão e no logótipo colocado no pilar C. O mesmo tom de azul reaparece no interior do veículo, especificamente nas costuras dos bancos.

O Levante Hybrid é conectado graças ao novo programa Maserati Connect, sistema que permite ter sempre debaixo de olho a saúde do automóvel, com o Maserati Connect a permitir alertar o condutor quando for necessário efetuar uma manutenção periódica, melhorando a experiência de atenção ao cliente. Com um smartphone ou um smartwatch, os condutores podem manter-se em contacto com o seu automóvel através da App Maserati Connect; tal também é possível a partir de casa, através do seu assistente pessoal virtual (Amazon Alexa e Google Assist).

Convidados especiais na estreia digital do Levante Hybrid foram David Beckham, o novo Embaixador Global da Marca Maserati, e Dardust, com uma exclusiva banda sonora.

Conheça entretanto com o LusoMotores as características técnicas desta nova proposta da marca do Tridente...

 

MASERATI LEVANTE HYBRID

MOTOR

Arquitetura

4 cilindros em linha Mild Hybrid com eBooster e NSG de 48V

Cilindrada (cc)

1995

Diâmetro x Curso (mm)

84 x 90

Taxa de compressão

9,5:1

Potência Máxima (cv @ rpm)

330 @ 5750

Binário máximo (Nm @ rpm)

450 @ 2250

Alimentação

Injeção Direta de Gasolina GDI

Pressão de injeção (bar)

200

Sobrealimentação

1 turbocompressor Mono-scroll
1 eBooster 48 V

Cambota

Aço forjado

Lubrificação

Bomba de óleo de capacidade variável

Sistema de distribuição

1 árvore de cames à cabeça comandada por corrente com Multiair

PRESTAÇÕES

Aceleração 0-100 Km/h (s)

6,0

Velocidade máxima (km/h)

240

Distância de travagem 100-0 km/h (m)

36

CONSUMOS DE COMBUSTÍVEL E EMISSÕES DE CO2

WLTP ciclo combinado (l/100 km)

A confirmar *Pendente de certificação em curso

WLTP ciclo combinado (g/km)

231-252

TRANSMISSÃO

Caixa de velocidades

Automática ZF de oito velocidades

Relações de caixa

1ª: 5; 2ª 3.2; 3ª: 2.14; 4ª: 1.72; 5ª: 1.31; 6ª: 1.00; 7ª: 0.82; 8ª: 0.64; Marcha-atrás: 3.46; Final: 3.27

Transmissão

Tração integral com diferencial traseiro autoblocante mecânico

SUSPENSÃO

Dianteira

Triângulos sobrepostos, barra estabilizadora

Traseira

Multi-link com cinco braços, barra estabilizadora

TRAVÕES

Dianteiros

Discos ventilados 345x32 mm, pinças flutuantes de 2 pistões

Traseiros

Discos ventilados 330x22 mm, pinças flutuantes  de 1pistão

DIMENSÕE E PESOS

Pneus dianteiros/traseiros

265/50 R19

C x L x A (mm)

5005 x 1981 x 1693

Distância entre eixos (mm)

3004

Via dianteira /traseira (mm)

1631 / 1662

Capacidade da mala (l)

580

Capacidade do depósito de combustível (l)

80

Peso homologado (kg)

2090

LusoMotores
Pin It