PorscheMacan03Quando recebemos o convite da Porsche Ibérica para o LusoMotores acompanhar a apresentação nacional do novo Macan, começámos por fazer o trabalho de casa

, antecipando o modelo que iríamos encontrar durante uma agradável viagem desde o Armazém 23, em Lisboa, até ao magnífico cenário da Pousada Vale do Gaio, um dos muitos paraísos menos conhecidos que ainda vão existindo no nosso país, neste caso no Alentejo, PorscheMacan07à beira da barragem Trigo de Morais, no Torrão, a poucos quilómetros de Alcácer do Sal, um local de que daremos conta oportunamente no LusoTurismo, a área de Turismo do LusoNotícias.

As primeiras incursões sobre a realidade do novo Porsche Macan davam conta de ser um SUV compacto com carácter (e comportamento) desportivo. E a verdade é que, sentados ao volante do Macan, comprovámos a realidade de um automóvel capaz de concentrar em si mesmo o melhor de dois mundos. Com um design que transporta todos os genes da Porsche, conseguindo um compromisso perfeito entre os desportivos da marca, desde o inovador 918 até ao icónico 911, e um modelo maior, ao jeito do SUV mais “tradicional” da Porsche, o Cayenne, é agora possível encontrar o resultado da mistura destes dois mundos, o novo Porsche Macan, com a resposta a quem precisa de um modelo capaz de assumir um posicionamento de carro de família, próximo da realidade do Cayenne, mas mantendo um comportamento desportivo, com a garra própria dos referidos Porsche 918 ou 911.

PorscheMacan10Para a marca germânica, esta nova proposta pretende ser o veículo desportivo entre os SUV compactos, e a verdade é que logo nos primeiros quilómetros percorridos verificamos que a dinâmica permitida e o prazer de condução atingem níveis elevados. Ao volante da versão Diesel deste novo Porsche Macan, a suavidade do pisar a caminho do Alentejo não nos deixou indiferentes, num modelo que vem combinar a mais potente gama de motores da sua classe com a caixa de velocidades automática de embraiagem dupla (PDK) desportiva de sete velocidades da Porsche. A somar a estes dois argumentos, a Porsche uniu ainda o que garante ser um dos melhores sistemas de tracção do mundo – o Porsche Traction Management (PTM) –, ainda pneus desportivos como equipamento de série e três variantes desportivas de chassis, entre as quais a suspensão pneumática, única no seu segmento.

Viagem em primeira classe até ao Vale do Gaio

PorscheMacan12Na viagem de que continuamos a dar conta até ao Torrão, em pleno Alentejo, o motor turbodiesel de 258 CV (190 kW) do Macan Diesel, com um binário de 580 Nm, permitiu uma viagem rápida mas ainda assim tranquila, como se seguíssemos na sela de um puro-sangue mas já devidamente domado. Ao nosso lado, em pleno auto-estrada, outras unidades do Macan, porventura mais “selvagens”, equipavam outros blocos, como o modelo de topo Macan Turbo, com motor biturbo V6 de 3,6 litros e 400 CV (294 kW), ou o Macan S, com motor biturbo V6 de 3 litros e 340 CV (250 kW), capazes de definir uma nova classe de potência, acima de outros concorrentes.

PorscheMacan08Será importante referir, ainda assim, que os pontos fortes do Macan não assentam apenas nos valores máximos da dinâmica de condução, mas sim na combinação tipicamente Porsche destes com eficiência, conforto e aspecto prático. Um capô abrangente e uma linha de tejadilho com inclinação uniforme sublinham a imagem geral de elegância desportiva e dinâmica potente do Macan, o primeiro automóvel desportivo entre os SUV compactos.

Já perto do nosso destino, duas experiências distintas, nomeadamente uma incursão por um estradão de terra, na busca de um local diferente para registar algumas fotografias, e o percurso por uma estrada de alcatrão, nem sempre em muito bom estado, sinuosa e estreita a obrigar a alguma condução mais eficiente onde procurámos colocar à prova o novo Macan. PorscheMacan05A resposta deste não podia ser melhor, permitindo o mesmo conforto de elevado nível que já tínhamos sentido em estrada aberta, com comportamentos irrepreensíveis na abordagem a curvas mais fechadas, tirando o melhor partido do seu baixo centro de gravidade, uma vez mais ao estilo dos melhores desportivos da Porsche, mas ainda assim sem comprometer a nossa incursão pelo tal estradão de terra em que entrámos em busca de uma imagem diferente. A imagem foi efectivamente diferente, mas o conforto e a segurança transmitida foram igualmente superiores.

Afinal, o novo Porsche Macan possui um modo offroad, também disponível como equipamento de série, o qual pode ser activado através de uma tecla na consola central, entre os 0 e os 80 km/h. Deste modo, todos os sistemas relevantes comutam para um programa todo-o-terreno orientado para a tracção. A distribuição do binário entre o eixo dianteiro e o eixo traseiro e a curva característica do pedal do acelerador são adaptadas às condições offroad. Além disso, em combinação com a suspensão pneumática opcional, a distância ao solo aumenta 40 milímetros em relação ao nível normal. Neste caso, a distância ao solo máxima equivale a 230 milímetros. Uma outra tecla na consola central ativa o Porsche Hill Control (PHC), para a assistência na descida de declives, permite manter a velocidade constante e ajustável num intervalo entre três e 30 km/h.

Materiais nobres e equipamento de topo

PorscheMacan17Chegados a bonito cenário da Pousada do Vale do Gaio, onde fomos recebidos pelo sempre disponível Vasco Gallego, o dono daquela excelente unidade hoteleira, e antes de avançarmos para a gastronomia incontornável da região, porventura o único argumento de todo o programa desta apresentação que rivalizou claramente no capítulo da qualidade com o Porsche Macan, houve ainda tempo para atentarmos no equipamento abrangente a bordo desta nova proposta automóvel. Para um modelo equipado com tração às quatro rodas, PDK, volante desportivo multifunções com patilha de mudanças, rodas grandes e um sistema de áudio potente, é o único veículo do seu segmento a ter suspensão pneumática, contando também com o especificamente adaptado Porsche Torque Vectoring Plus, PorscheMacan18uma distribuição variável do binário de accionamento para as rodas traseiras, em combinação com um bloqueio do diferencial do eixo traseiro de regulação electrónica.

No habitáculo os materiais apresentam qualidade, nobreza e montagem irrepreensíveis, tal como acontece com os sistemas de som opcionais da Burmester e da Bose, os quais permitem escolher sistemas áudio de extraordinária qualidade. Perante tudo isto, a Porsche Ibérica acredita plenamente no sucesso deste modelo, do qual estão já pedidas 70 unidades para o mercado nacional cuja chegada a partir da fábrica de Leipzig, onde é produzido o Macan, deverá acontecer durante o corrente ano.

Canibalização positiva

PorscheMacan33Em diálogo com Nuno Costa, Director de Marketing e Relações Públicas da Porsche Ibérica, este assumiu a clara confiança da prestação comercial do novo Porsche Macan, um modelo que poderá permitir uma “canibalização positiva” dentro da marca, isto porque, explicou, “será normal que muitos clientes do novo Macan, quando estiverem a conhecer este modelo, possam entender que podem chegar ao Cayenne, podendo por isso o Macan ser uma forma de acesso ao nível seguinte dentro da Porsche”. Ao mesmo tempo, disse, sobre este modelo que surge como uma proposta “dentro do melhor de dois mundos, já que se trata de um SUV claramente desportivo”.

“O novo Porsche Macan vem dar resposta a quem pretende ter na garagem um automóvel próprio para uma utilização familiar em cidade ou em grandes viagens, mas também capaz de uma prestação desportiva, com o cunho próprio da Porsche”, acrescentou Nuno Costa.

Pouco tempo depois era tempo de regressar a Lisboa, testando de novo em estrada o potente e eficiente motor turbo V6 diesel de 3 litros com 258 CV do Porsche Macan S Diesel, bloco que transforma o Macan num desportivo para grandes distâncias, isto porque combina performances muito boas com um consumo reduzido de combustível. PorscheMacan11O binário elevado de 580 Nm a 1750-2500 rpm permite uma aceleração superior em qualquer situação, num motor que vem respeitar já a norma Euro 6 relativa às emissões de gases de escape graças ao conversor SCR (redução catalítica selectiva) integrado que garante particularmente a redução das emissões.

Chegados a Lisboa foi tempo de entregar a unidade testada do Porsche Macan S Diesel e deixar o pedido para um ensaio mais prolongado no tempo e no espaço, com a certeza que o resultado dessa próxima experiência só virá confirmar a boa impressão agora deixada, mas uma próxima experiência terá que ficar para mais tarde já que agora é tempo de serem os potenciais clientes a rodar com as unidades já presentes entre nós. Aliás, se é o seu caso, não deixe de testar este “desportivo musculado” da Porsche… e depois conte-nos como foi.

texto: Jorge Reis

Os preços em Portugal
MODELO PVP
Porsche Macan S 79.464
Porsche Macan S Diesel (18'' pneus All-Season) 80.036
Porsche Macan S Diesel (18'' pneus Verão) 80.401
Porsche Macan Turbo 106.160
PorscheMacan31
PorscheMacan14
PorscheMacan01


 
 
 
Pin It